KLM Cityhopper recebe primeiro jato E195-E2 da Embraer


Projetado especificamente para reduzir emissões de carbono e poluição sonora, o novo E195-E2 tem, ao todo, 132 assentos. E195-E2 da Embraer
Embraer/Divulgação
A Embraer informou que a KLM Cityhopper, subsidiária regional da KLM Royal Dutch Airlines, recebeu nesta terça-feira (23) seu primeiro jato E195-E2, em cerimônia realizada nas instalações da Embraer no Brasil.
Projetado especificamente para reduzir emissões de carbono e poluição sonora, o novo E195-E2 tem, ao todo, 132 assentos, com 20 na classe executiva, 8 na “economy comfort” e 104 na econômica.
Embraer registra queda de quase 35% nas entregas de aeronaves em 2020
Ao todo, o pedido da KLM inclui 35 jatos do novo modelo, sendo 25 pedidos firmes com opção para 10 adicionais, que serão disponibilizados à companhia aérea pela ICBC Aviation Leasing (10) e pela Aircastle (15).
Segundo a companhia, a entrega do E2 eleva para 50 o número total de jatos da Embraer que operam na frota da KLM Cityhopper: são 17 jatos E175 de primeira geração e 32 E190.
De acordo com a Embraer, o novo E2 possibilita uma redução de 10% nas emissões de carbono por viagem e de 31% por assento em relação aos jatos E190 de primeira geração da KLM Cityhopper.
Em um ano normal, cada E195-E2 irá emitir 1.500 toneladas a menos de poluentes de carbono, segundo a Embraer.
O ruído também é 60% menor — uma medida considerada essencial para o Aeroporto Schipol de Amsterdã, na Holanda, que tem regras rígidas quanto aos ruídos.
Segundo informações da Embraer, a adição do E195-E2 à frota da KLM Cityhopper é parte vital para o plano da empresa aérea de reduzir a pegada de carbono em pelo menos 50% por pessoa/km até 2030.
Source: G1 Economia

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *